Author: Anderson Gonçalves
•06:23


Você imagina a vida sem amor?
Talvez fosse uma vida superficial, de aparências, sem gosto.
Tal como o café sem açúcar, o leite desnatado, o pão sem manteiga, seria a vida sem amor...
Certamente não saberíamos o que é o amor, por jamais tê-lo sentido. Sendo assim, nem sentiríamos a falta. Mas como seria se sequer soubéssemos o que é o amor?

Não haveria o ódio, pois de todo o certo este se opõem ao amor, mas não conheceríamos a capacidade de perdoar, e uma vida sem perdão, não faz sentido...

Não haveria a saudade, pois a saudade só existe porque antes amamos o que foi perdido. Mas a saudade faz parte da vida, como não ter saudade?

É também provável que não houvesse intrigas, inimizades, porque se não há ódio, nem amor, pelo que iríamos discordar? Mas vivendo assim, seríamos apenas máquinas... Máquinas, sem o amor.

Certamente, não haveria nada, pois tudo provém do Amor, ou simplesmente de sua ausência.

Author: Anderson Gonçalves
•09:59

Falar em Páscoa, já virou ha muito tempo assunto comercial, assim como no Natal só se falam em comprar presentes, o período pascoal se tornou o carro-chefe das empresas que sobrevivem do chocolate. Evidentemente, que a única explicação para o ovo de páscoa ter a “cara” da Páscoa somos nós consumidores. Mas quer saber o que o chocolate tem a ver com tudo isso? Nada. Se não fosse o chocolate, seria algum tipo de bolo. Se não fosse o bolo, seria uma receita qualquer feita para encher os olhos de quem pode pagar, e pagar caro. Ainda compramos achando que tudo isso da um sentido a esta data especial, mas só pode haver sentido, se estivermos certos de que ninguém precisa de um ovo de Páscoa para celebrar a ressurreição. Ninguém precisa de chocolates para se sentir bem durante este período, mas seria um ato de fé, se, por exemplo, doássemos o nosso querido ovo de chocolate para uma pessoa que não o pode comprar, e que assim como nós, sente aquela imensa vontade de comer um, nem que seja uma vez no ano. É uma coisa que jamais fiz, confesso. Mas ainda posso fazer. Todos podem... Seria a única forma de dar algum sentido ao chocolate na Páscoa. Fica a dica!



 … O hábito de dar ovos de verdade vem da tradição pagã. O hábito de trocar ovos de chocolate surgiu na França. Antes disso, eram usados ovos de galinha para celebrar a data. No entanto, o costume não é citado na Bíblia. Portanto, este costume é uma alusão a antigos rituais pagãos. Ishtar ou Astarte é a deusa da fertilidade e do renascimento na mitologia anglo-saxã, na mitologia nórdica e mitologia germânica...


 A Páscoa cristã celebra a Ressurreição de Jesus Cristo. Depois de morrer na cruz, seu corpo foi colocado em um sepulcro, onde ali permaneceu por três dias, até sua ressurreição. (Fonte: Wikipédia)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...